O que realmente aconteceu com Susan e Edward no neo-noir de Tom Ford?

    “ATENÇÃO: Este artigo contém spoilers importantes sobre o filme Animais Noturnos”

Final Explicado é uma série recorrente em que exploramos os finais, segredos e temas de filmes e programas interessantes, novos e antigos. Desta vez, consideramos duas explicações possíveis para o final ambíguo de Animais Noturnos, de Tom Ford. Em última análise, uma boa história de vingança precisa de três coisas: um vilão rancoroso e de sangue frio; um crime hediondo com uma vítima indefesa; e, por último, mas não menos importante, um herói triunfante.

O elegante filme do segundo ano de Tom Ford, Animais Noturnos (2016), tem todos os elementos necessários. Mas, olhando mais de perto, o neo-noir distorcido não é tão simples quanto sua tentativa comum de vingança. O filme apresenta o projeto típico de um filme de vingança apenas para subvertê-lo e virá-lo de cabeça para baixo no final. Talvez signifique nos dizer que exigir justiça nunca é uma tarefa simples e, no mundo real, sempre traz baixas inesperadas.

 

|   RELACIONADO:

Animais Noturnos: Final explicado – Por que Edward não apareceu?

 

 

Desvendando os Segredos e Temas de Animais Noturnos

O filme, uma adaptação do romance Tony e Susan de Austin Wright, de 1993, apresenta pela primeira vez Susan Morrow (Amy Adams), uma rica galerista que uma noite é surpreendida pela chegada de um manuscrito. O futuro livro, escrito por seu ex-marido, Edward Sheffield (Jake Gyllenhaal), também é intitulado Animais Noturnos. Enquanto Susan lê, o filme retrata a história interna.

O filme, uma adaptação do romance Tony e Susan de Austin Wright, de 1993, apresenta pela primeira vez Susan Morrow (Amy Adams), uma rica galerista que uma noite é surpreendida pela chegada de um manuscrito. O futuro livro, escrito por seu ex-marido, Edward Sheffield (Jake Gyllenhaal), também é intitulado Animais Noturnos. Enquanto Susan lê, o filme retrata a história interna.

Em última análise, há duas explicações plausíveis para a ausência de Edward naquela noite. A primeira teoria, menos provável, sugere que ele está morto. Talvez tenha ocorrido um trágico acidente durante seu trajeto para o jantar, assemelhando-se à situação do personagem em seu próprio livro. Ou, ainda, ele poderia ter chegado ao extremo de se suicidar, em um último momento de provocação, ilustrando para Susan a dor que ela lhe causou.

A segunda teoria é que Edward simplesmente deu um bolo em Susan. Mas por que ele faria isso? E por que esse seria um desfecho adequado para Animais Noturnos, um filme tão repleto de ação e drama? Afinal, comparada ao restante da trama, essa cena final é notavelmente tranquila e, francamente, anticlimática.

Durante o filme, ficamos sabendo que Edward possui uma compreensão profunda do verdadeiro significado da vingança. Em seu livro, a vingança de Tony é executada de maneira satisfatória e sangrenta contra Laura e o assassino de India, Ray.

Portanto, a ausência de Edward no restaurante no desfecho de Animais Noturnos não pode ser simplificada como um mero atraso ou um contratempo. Este é um homem que sabe exatamente como infligir um golpe eficaz e duradouro. Ao despertar novamente o interesse de Susan por ele, após um longo casamento onde foi considerado fraco, Edward finalmente tem a vantagem e é capaz de atingi-la onde realmente dói.

 

A Angústia de Susan e As Consequências da Vingança em Animais Noturnos

Edward não está apenas punindo Susan ao deixá-la de pé, mas como um autor com uma compreensão tão íntima das nuances da vingança, ele entende que, para sua ex-mulher, ele a sentenciou a um castigo pior que a morte. Susan é uma pessoa profundamente infeliz. Depois de Edward, ela se casou com Hutton Murrow (Armie Hammer), um empresário rico e distante, e atualmente está presa em um relacionamento miserável e rapidamente degenerado com ele.

O filme implica que, enquanto estavam juntos, Edward e Susan estavam muito apaixonados, e ela ficou profundamente atraída por sua disposição criativa. Mas a insensível mãe de Susan, Anne (Laura Linney), dissuadiu sua filha de ficar com um artista em dificuldades, e essa atitude acabou afetando Susan. Quando ela trocou Edward por Hutton, Susan se viu amarga, deprimida e, finalmente, sozinha.

Então, ao receber o manuscrito, Susan de repente sente como se tivesse uma segunda chance de uma vida plena. E, presumivelmente, tudo isso faz parte do plano sinistro de Edward. Quando ela é deixada sozinha no restaurante no final de Animais Noturnos, Susan finalmente entende a verdadeira rejeição, como seu ex-marido fez anos atrás. Seus pensamentos de medo e insatisfação sempre a mantiveram acordada à noite durante seu casamento, por isso Edward a coroou como um “animal noturno”. Agora ela ficará acordada se perguntando por que ele não apareceu.

Lembra-se da regra de que toda boa história de vingança precisa de um herói triunfante?

 

O Final Impactante de Animais Noturnos

Bem, neste caso, tanto o herói quanto a vítima são a mesma pessoa. Edward não apenas foi terrivelmente afetado pelos maus-tratos de Susan, mas também foi continuamente pressionado pela sociedade, constantemente informado de que ele não era bom ou forte o suficiente. E então ele criou Tony, um vigilante semi-heróico, como um personagem aspiracional. Então, quando ele deixa Susan sozinha no restaurante, ele finalmente se torna o tipo de personagem obstinado que ele apenas sonhava em escrever. Mas há uma diferença crítica: Edward não acaba se destruindo acidentalmente como Tony faz. Ele realmente sai vitorioso.

Talvez em menor escala, Susan também seja uma vítima. Vítima de uma sociedade sufocante que valoriza o sucesso profissional em detrimento do amor e que força as pessoas a sacrificarem seus relacionamentos pessoais em busca do sucesso capitalista. Seja lá o que motive Susan, porém, Edward certamente a vê como uma vilã. E no final de Animais Noturnos, a punição dela certamente se enquadra no crime.

 

Animais Noturnos: está disponível para transmissão na Netflix

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verified by MonsterInsights