O final abre um número infinito de possibilidades.

O conceito de alienígenas é uma presença constante na ficção científica. Desde a invasão extraterrestre retratada em ”

Guerra dos Mundos”,de H.G. Wells, até os homenzinhos verdes que permeiam o imaginário, histórias de primeiro contato variam de fofas,
como em “ET”, a

aterrorizantes, como em “Sinais”. Agora, a mais recente série da Netflix, “O Problema dos 3 Corpos”, emerge como uma das abordagens mais

complexas do gênero.

Baseada na renomada trilogia de livros do autor chinês Cixin Liu, a série centra-se na resposta da humanidade a uma ameaça iminente,

prevista para chegar em quatrocentos anos. Ao longo de oito episódios, os personagens desvendam como uma decisão crucial tomada por

uma mulher na China dos anos 1960 definiu o destino da humanidade, enquanto outros buscam compreender os alienígenas que um dia

poderão invadir a Terra.

 

| RELACIONADO:

O Problema dos 3 Corpos: Quem são os alienígenas San-Ti? “Explicado”

 

Uma série dos diretores de  Game of Thrones David Benioff e DB Weiss

Produzida pelos showrunners de Game of Thrones, David Benioff e DB Weiss, juntamente com Alexander Woo de True Blood, “O Problema

dos 3 Corpos” é uma verdadeira obra provocativa. A série entrelaça diversas narrativas, momentos históricos e conceitos da física teórica

para examinar a reação da humanidade diante do primeiro contato extraterrestre. A trama se desenrola durante a Revolução Cultural na

China, nos anos sessenta, e se projeta até um futuro incerto. Por trás de todas as complexas teorias, tramas de espionagem e experiências de

realidade virtual de “O Problema dos 3 Corpos”, há uma questão tão fundamental quanto a apresentada em “A Guerra dos Mundos”, de

1898: Como a humanidade reagiria à descoberta de que não estamos sozinhos no universo?

 

Vamos começar com o básico

Durante a turbulenta Revolução Cultural na China, Ye Wenjie, uma jovem cujo pai, um professor, é brutalmente assassinado por ser parte da

elite intelectual, é obrigada a trabalhar em um campo de prisioneiros. No entanto, sua formação em física a leva eventualmente a uma base

militar do país, onde o objetivo é estabelecer comunicação com formas de vida extraterrestres. Em uma noite, ela é contatada por um

alienígena pacifista que a alerta sobre as consequências de responder à mensagem, prevendo uma invasão. Desiludida e descontente com o

mundo, ela os convida a visitar a Terra.

Avançando para os dias atuais, Ye Wenjie agora é co-proprietária de uma empresa que secretamente busca promover a união entre os

alienígenas (chamados de San-Ti na série) e a humanidade. Eles compartilham um videogame de realidade virtual com os principais líderes

mundiais para explicar a perigosa situação dos San-Ti. Esses seres foram forçados a deixar seu planeta de origem devido às condições

climáticas caóticas. O planeta deles possui três sóis, resultando em oscilações extremas de temperatura. Enquanto Jin (Jess Hong) e Jack

(John Bradley), ambos físicos formados em Oxford, exploram o jogo, eles descobrem mais sobre os San-Ti, sem perceber que estão, na

verdade, tentando colaborar para salvar a humanidade. Enquanto isso, as mentes brilhantes que se recusam a cooperar são eliminadas.

 

Como termina a 1ª temporada de O Problema Dos 3 Corpos ?

Quase toda a dinâmica da história muda quando os San-Ti descobrem a capacidade da humanidade de mentir e enganar, conceitos estranhos

para eles, levando-os a desconfiar de nós. Encerrando a comunicação, eles não mais consideram a coexistência como uma possibilidade

viável. Em resposta, os San-Ti criam os Sophons, poderosos computadores quadridimensionais que operam como um estado de vigilância

onisciente na Terra. Essa tecnologia é incrivelmente avançada, capaz de manipular imagens de maneiras que desafiam nosso entendimento

das leis da ciência. Diante dessas condições perigosas, a humanidade se vê obrigada a se preparar para a chegada iminente dos San-Ti dentro

de quatrocentos anos.

A união do mundo

Os principais líderes mundiais se unem para enfrentar seu novo inimigo comum e designam três pessoas, chamadas Wallfacers, para resolver

o problema da invasão alienígena sem nunca discuti-lo em voz alta. Como os San-Ti não têm a capacidade de ler mentes, indivíduos

talentosos devem elaborar planos de sobrevivência apenas em seus próprios pensamentos. Dois dos Wallfacers são estimados estrategistas

militares. O terceiro, Saul Durand (interpretado por Jovan Adepo), é um assistente de pesquisa em física que inicialmente rejeita a

nomeação. No entanto, ele descobre no final da temporada que é impossível recusar. Assim, o final revela um Saul determinado – finalmente

pronto para se esforçar e aplicar sua mente brilhante.

Quando será a estreia da segunda temporada de O Problema Dos 3 Corpos ?

A Netflix ainda não confirmou a renovação de “O Problema dos 3 Corpos” para uma segunda temporada, apesar de todos os oito episódios da

primeira temporada terem sido lançados no serviço de streaming na última quinta-feira. Os criadores mantêm a esperança de que a série terá

a oportunidade de explorar sua segunda parcela. “O segundo livro é muito melhor que o primeiro, e o terceiro livro me surpreendeu completamente”, afirmou Benioff ao The Hollywood Reporter. “Portanto, sinto que se conseguirmos chegar à segunda temporada, estaremos

em um bom lugar. As coisas se intensificam enormemente, e há uma cena, se a alcançarmos, será épica – como quando chegamos ao

Casamento Vermelho em Tronos.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verified by MonsterInsights