Imagens divulgação Netflix

Uma vez por ano: O relance anual de Emma e Dexter, com detalhes cruciais ocorrendo fora da tela

Em "Um Dia", Emma e Dexter compartilham um encontro anual na tela desde 1988, mas há uma série de momentos cruciais em sua linha do tempo que ocorrem fora dela. A nova série romântica

da Netflix narra a história de Emma e Dexter, cuja conexão é marcada por esses encontros anuais. Semelhante à adaptação cinematográfica de 2011 do romance “Um Dia”, a série não consegue

abranger todos os detalhes do tempo que Emma e Dex passam juntos.

Questões importantes, como relacionamentos com outras pessoas, progresso profissional e desafios familiares, são enfrentadas por Emma e Dexter quando não estão juntos. “Um Dia” apresenta

de maneira hábil o que acontece a cada ano, embora não haja uma recapitulação selecionada em cada episódio para manter o controle dos eventos desde o último encontro entre Emma e Dex.

 

|   RELACIONADO:
“Um Dia” O desfecho do destino de Dexter e Emma Explicado

 

“Atenção: Este texto contém revelações sobre a série “Um Dia” da Netflix.”

 

1988-1989

Emma e Dex estão embarcando na vida pós-universidade.

Alguns meses após trocarem números de telefone em julho, Emma compartilha o Natal com Dexter e sua família. No segundo episódio de “Um Dia”, é revelado que Emma teve um momento

ousado com a família de Dex, ficando bêbada e discursando sobre a fundação do estado de bem-estar social. Antes de se encontrarem novamente em 1989, Dex desfruta de momentos divertidos

na Itália, enquanto Emma está em turnê com um grupo teatral com o qual está envolvida. Apesar da distância, os dois mantêm contato e preservam sua amizade trocando cartões postais.

 

1989-1990

Dex e Emma estão trilhando caminhos divergentes.

Neste ponto, Emma se muda para Londres para seguir sua carreira de escritora teatral. No entanto, enquanto luta para ganhar a vida com sua escrita, ela se vê presa em um trabalho em um

restaurante que a deixa infeliz. Por outro lado, Dexter está desfrutando de um pouco de fama enquanto trabalha em um programa de televisão popular. É a primeira vez que suas vidas

contrastantes se tornam evidentes um para o outro. Essas diferenças são delineadas no primeiro episódio, durante uma discussão sobre seus planos futuros, e continuarão a ser exploradas ao

longo da série.

 

1990-1992

Os rumos de Emma e Dexter estão divergentes: progresso para ela, desafios para ele.

Em 1991, Dex e Emma decidem fazer uma viagem juntos para a Grécia, porém pouco se sabe sobre o ano anterior. Em 1992, Emma deixa seu emprego em um restaurante e está avançando

esperançosamente em sua carreira como escritora. Entretanto, o reencontro de Emma e Dexter não é retratado na tela, mas Dex faz contato com ela por telefone, revelando que ele não tem estado

bem recentemente.

Quando Emma sai para um encontro à noite, Dex liga para ela, emocionado por causa de sua mãe. Durante o ano, Dex começou a se envolver mais em festas, e fica claro que ele está recorrendo ao

álcool e às drogas como uma maneira de lidar com o estresse emocional causado pela doença de sua mãe. Sua dependência de substâncias e seu estilo de vida de playboy continuam a se tornar

cada vez mais prejudiciais para ele ao longo da série.

 

1992-1994

Emma experimenta uma sensação de alienação na vida de Dex.

Durante esse período, Dexter enfrenta a dor da perda de sua mãe, enquanto continua com seus hábitos pouco saudáveis de consumo de álcool. Quando Emma e Dexter se reúnem para uma

refeição em 1994, ele mostra um interesse recente por um estilo de vida sofisticado, o que faz com que Emma se sinta inadequada em relação à sua própria vida. Esse é o momento em que ambos

percebem que têm planos de vida diferentes, e Emma começa a questionar sua importância para Dexter. Os comentários incisivos de Dexter sobre suas escolhas de vida levam a uma discussão

entre os dois, e eles passam os anos seguintes separados.

 

1994-1997

Dexter e Emma seguem caminhos separados por alguns anos.

Emma e Dexter se reencontram em 1997, durante o casamento de um amigo, após terem passado um tempo significativo separados nos anos anteriores. Desde a discussão em 1994, Dex e Emma

seguiram adiante com suas vidas individuais, experimentando relacionamentos que começaram e terminaram. Emma rompeu seu relacionamento com Ian, enquanto Dex está comprometido com

sua noiva, Sylvie, e aguarda a chegada de um filho. O período em que estiveram separados foi essencial para o desenvolvimento de seu relacionamento, pois permitiu que crescessem e

amadurecessem como indivíduos antes de se reintegrarem na vida um do outro.

 

1998-1999

A relação entre Dex e Emma se torna complexa.

 

“Uma característica constante de sua personalidade tem sido sua determinação e resiliência.”

 

Dexter e Emma retornam a Paris em 1999. Emma mudou-se para a cidade em busca de inspiração para seu próximo romance, e enquanto atualizam um ao outro, é revelado que Dexter e Sylvie

estão se divorciando após ela o trair. De volta ao apartamento de Emma, discutem uma noite em que dormiram juntos durante um momento difícil no relacionamento de Dexter. Esse episódio se

torna um desafio breve para a amizade deles, pois Dexter deseja mais do que uma amizade com Emma, enquanto ela hesita em arriscar ser usada.

Apesar das incertezas e das vezes em que Emma se sentiu perdida ao longo da série, sua firmeza tem sido uma característica consistente. Sempre que Dexter tenta avançar além da amizade,

Emma se recusa a ser apenas um ponto de apoio emocional quando ele não está no seu melhor. Mesmo no final do reencontro em Paris, Emma exige que Dexter leve a sério o relacionamento

deles.

 

1999-2002

A fase de serinidade entre Emma e Dexter

Emma e Dexter ficam noivos e se casam fora das telas, enquanto o processo de ajustamento deles é retratado no penúltimo episódio. Emma está imersa em seu trabalho de escrita de um romance,

 enquanto Dexter administra um café que gradualmente ganha popularidade ao longo dos anos. Além disso, o casal enfrenta desafios ao tentar conceber um filho, o que causa certa tensão em seu

 relacionamento. Neste ponto da jornada, tudo parece estar se encaixando e eles estão otimistas em relação ao futuro. No entanto, essa felicidade é efêmera, pois Emma morre tragicamente em
 
um  acidente de carro.

 

2002-2007

Dexter enfrenta sua dor.

Nos anos após a morte de Emma, Dexter enfrentou uma dor avassaladora. A série aborda o tema do luto de forma comovente, primeiro com a perda inevitável de sua mãe e depois com a morte de

Emma, que ele imaginava compartilhar o resto de sua vida. Para lidar com essa perda, Dexter recorre aos antigos padrões de consumo excessivo de álcool, preocupando aqueles ao seu redor.

No entanto, ele encontra apoio nos amigos e familiares do casal, além de Emma, que ele imagina confortando-o em momentos de desespero.

Inspirado por essas conversas imaginárias com Emma, Dexter começa a seguir em frente, recordando com carinho o tempo que compartilharam juntos. Ao longo de "Um Dia", eles permaneceram

uma presença constante na vida um do outro, mesmo enfrentando conflitos que desafiaram seu relacionamento. Emma continua a impactar a vida de Dexter, especialmente quando ele leva sua

filha para visitar lugares importantes que foram cenário do início de sua história de amor em 1988.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verified by MonsterInsights